NY bites | posts retroativos

28 Nov

Sim, é verdade, eu sumi… Não tenho conseguido manter o blog atualizado, mas estou sempre juntando material para postar. Então, nos próximos dias vou despejar aqui muitas coisas que já aconteceram. E com as férias da faculdade espero colocar a vida em dia.

Para começar, dicas de gastronomia em Nova York.

Chelsea Market: Tá aí um lugar que não dá pra deixar de conhecer. O Chelsea Market é um mercado super transado, construído no prédio da antiga fábrica dos biscoitos Oreo você encontra docerias, restaurantes, mercearias chiquérrimas e, principalmente, o famoso sanduíche de pastrami – que eu comi no Friedmans. Aprovadíssimo!

 

Cold Stone Creamery: Essa foi uma ótima dica do site de Julia Petit. O sorvete é misturado aos acompanhamentos – chocolate, biscoito etc. – como se fosse uma massa. Acho que as fotos explicam mais do que minhas palavras.

Gray´s Papaya: O tão falado cachorro-quente da Big Apple não é nada demais. Pelo menos, pra mim, pão seco com salsicha, catchup e mostarda não convence! Nessa lanchonete, eles acrescentam repolho e um molho ralo de tomate e acham o máximo. Sou mais o de lá de casa!

Junior´s Cheesecake: Como amante oficial de cheesecake, eu não poderia deixar de ir ao famoso Junior´s. Visitei a loja do Grand Central Terminal (ou Station). Esse vale a pena. O cheesecake estava quase tão bom quanto o de minha mãe!

Via Brasil Restaurant: E na hora que bater uma saudade do arroz com feijão (como aconteceu com a gente), passe no Via Brasil. Comemos uma feijoada deliciosa lá. 

Nobu: Ainda bem que a conta veio depois da refeição, senão eu teria saído correndo! Hahaahh! Ser pobre é uma merda… Prefiro pensar que este foi um dos investimentos da viagem. O tal do restaurante de Robert De Niro enfia a faca, mas realmente oferece comida de qualidade. Pedimos o menu degustação, que inclui seis pratos mais uma sobremesa. A experiência foi bem legal porque tudo é feito com muito cuidado: a apresentação dos pratos, a explicação do garçom, os sabores exóticos. E a comida estava uma delícia! Conselho: só peça esse prato se gostar de peixe cru.

OUTROS…

Red Lobster: Eu sempre falei que lagosta não tem graça e que perde feio pro camarão. Por incrível que pareça, precisei ir a uma rede de restaurantes americana (nada muuito sofisticado) pra descobrir que esse crustáceo pode ser bom demais! O prato veio com (muito!) camarão, vieira e lagosta – huuuuuuuuum. Fui em Orlando, mas o Red Lobster está em váaarios lugares. 

Shake’n Shack: Uma das hamburguerias favoritas dos novaiorquinos. Na verdade, eu não consegui ir, mas meus cunhados foram e amaram. Sempre que passávamos pela porta estava lotado, então deve ser bom mesmo. 

3 Respostas to “NY bites | posts retroativos”

  1. Juli Sampaio 30/11/11 | 10:36 às 22:36 #

    Amei as dicas! Dá mais vontade ainda de voltar lá!!!

    • henrique 01/12/11 | 10:47 às 22:47 #

      Bacana demais a matéria do Chelsea Market. Gostaria de um dia visitar este lugar. Um abraço à equipe do Blog que vem criando um grande trabalho. Henrique Oliveira-Belo Horizonte.

      • GABI Vieira 02/12/11 | 8:57 às 8:57 #

        Obrigada pela visita, gente!

        Xuplisko, nós da equipe ficamos muito felizes com seu elogio. Hahahah! Figura!

        Beijos!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: